Notícias da CCR RodoAnel

Notícias

11/11/2021 | Responsabilidade Social

CCR ViaOeste e CCR RodoAnel conscientizam motoristas sobre câncer de próstata

Durante o mês de novembro, as concessionárias CCR ViaOeste e CCR RodoAnel, por meio do Instituto CCR, estão desenvolvendo iniciativas com foco na orientação dos motoristas, especialmente caminhoneiros, sobre a prevenção do câncer de próstata. As ações integram o Movimento Novembro Azul. 
 
Uma das ações é a divulgação de mensagens nos painéis eletrônicos do Sistema Castello-Raposo e trecho oeste do RodoAnel, alertando os motoristas para a importância de realizar os exames preventivos. Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA), o câncer de próstata atingiu mais de 65 mil homens em 2020. A boa notícia é que, se descoberto precocemente, as chances de cura chegam a 90%. 

“Preparamos um leque de comunicações que ficará à disposição dos motoristas que passarem pelos postos do Estrada para a Saúde. O nosso mote é: seja o protagonista da sua saúde, ou seja, uma convocação para o homem assumir a frente das preocupações que podem salvar a sua vida”, afirma o Dr. José Antônio Coelho, gerente executivo de Segurança, Saúde e Meio Ambiente do grupo CCR. 

O Estrada para a Saúde, programa voltado à saúde integral dos profissionais da estrada, estará pronto para receber os motoristas no km 57 da rodovia Castello Branco, em São Roque, e oferecer orientação a respeito desse assunto. O conteúdo foi disponibilizado pelo Instituto Lado a Lado, organização social brasileira que se dedica à saúde do homem, e que também realizará uma aula online para os profissionais do Estrada para a Saúde CCR, para que se tornem multiplicadores de conhecimento. 

“A saúde é um pilar estratégico da companhia. E, por isso, mais uma vez queremos conscientizar os homens com o acesso à informação de qualidade, para estimulá-los a cuidar de saúde constantemente, e não apenas em momentos emergenciais ou quando tenham sintomas. A prevenção pode salvar vidas”, afirma Cristine Naum, gerente executiva do Instituto CCR.

Dentre os fatores que podem aumentar o risco de uma pessoa desenvolver o câncer de próstata está a idade, sendo que 62% dos casos são de homens a partir dos 65 anos. Também estão nesta lista o histórico familiar, há maior incidência em homens de pele negra, com alimentação inadequada à base de gordura e consumo insuficiente em frutas, verduras, legumes e grãos. O sedentarismo e obesidade também estão entre os fatores de risco. 
 
Quando o tumor cresce, os sintomas mais comuns estão relacionados ao ato de urinar, como ir várias vezes durante a noite ao banheiro, urinar frequentemente ao longo do dia, dificuldade em iniciar e manter um jato de urina contínuo, urgência em urinar podendo haver escape, gotejamento no fim do fluxo, sangue na urina e dor e esforço para esvaziar a bexiga. Mesmo na ausência de sintomas, homens a partir dos 50 anos, ou dos 45, se houver histórico familiar ou raça negra, devem ir anualmente ao urologista para realizar o toque retal e fazer o exame de PSA no sangue. 

Voltar